fbpx
Escolas SP Atividades Extras e Reabertura

Prefeitura SP Libera atividades extras nas Escolas

SP Libera atividades extras nas Escolas

O prefeito da cidade de São Paulo, chamado Bruno Cova do partido do PSDB já anunciou que vai autorizar que as escolas particulares ou públicas reabram na capital, após a data do dia Sete de outubro, para que sejam realizadas as atividades extracurriculares, e após essa mesma data já está autorizado o retorno dos alunos para as Aulas Letivas e presenciais do ensino superior.

Segundo o Prefeito, essa decisão da retomada é muito válida tanto nas escolas municipais, estaduais ou até as privadas, mas vale ressaltar que segundo a prefeitura essa retomada nas aulas é totalmente voluntária, ou seja, ela não é de forma alguma obrigatória nem mesmo para as escolas ou até mesmo os alunos.

E todas as escolas ou instituições vão precisar obedecer ao limite dos 35% da lotação, isso conforme está previsto no protocolo que o próprio estado estabeleceu.

Atividade letiva 100%

Ainda não está decidida a data correta para que haja uma volta nas atividades letivas em todas as escolas, e o secretário municipal da educação, o Bruno Caetano disse que a data do dia três do mês de novembro pode vir a ser a possível data desse retorno.

E com relação de alunos de Zero aos Dezessete anos, que são uma responsabilidade do estado, município ou rede privada vão estar liberados após Sete de outubro para as atividades extras.

Segundo Covas, essa é a melhor forma de haver uma modulação para verificar se isso já é possível na Cidade de São Paulo para que não exista a necessidade de retrocesso.

Isso porque até o presente momento a Cidade de São Paulo pode abrir seu processo para a flexibilização sem precisar de forma alguma retroceder.

O secretário Bruno Caetano, disse que entre todas as atividades extras que vão estar sendo oferecidas estão as aulas de língua, os cursos livres e as aulas de música, que são as atividade que já estão acontecendo em São Paulo, e na data do dia Sete do mês de outubro todas as escolas sejam elas particulares ou públicas vão poder aderir a elas.

Retorno as aulas presenciais

Bruno Caetano também falou dos esforços para que os alunos recuperem sua aprendizagem, e para que isso aconteça, segundo ele os anos de 2020 e 2021 vão ser mesclados entre si.

Sem contar que vai haver a aderência dos ensinos em tempos integrais, e ainda reforços em contra turnos, sem contar na avaliação para analisar como está o desempenho de todos os alunos nessa retomada do ensino.

Isso é, assim que as aulas retornarem, vai haver uma avaliação simbólica que será passada aos alunos apenas para que se possa identificar o nível da aprendizagem deles, e o que eles conseguiram aprender com o ensino em casa.

Ensino em tempo integral

O ensino de tempo integral nada mais é que o aluno estudar quase o dobro do tempo em que já estudava na escola, é como se ele estivesse indo para a escola duas vezes, mas sem precisar sair dela.

Vale ressaltar que essas propostas estão acometendo a muitas pessoas, que estão revoltadas, mas a opinião é bem dividida e algumas pessoas concordam com as medidas.

Folha Sudoeste


Leia Este

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

O sonho de todo o jovem brasileiro ao completar sua maioridade, é tirar sua licença …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *