fbpx
Auxílio Emergencial

Auxílio Emergencial: Saque e transferência liberados

Auxílio Emergencial: Saque e transferência liberados

No dia de hoje, 29 de Setembro, a Caixa está pagando a primeira parcela de r$300,00 do Auxílio emergencial aos beneficiários que já são 1,6, e recebem o Bolsa família, e já foi divulgado na segunda passada por meio do governo o pagamento de todas as parcelas ao cidadão que não faz parte do bolsa família.

A Caixa econômica Federal, liberou hoje os saques ou transferências do Auxílio para o total 4,1 milhões de pessoas que nasceram em março, e tiveram seu dinheiro repassado em sua conta poupança Social Digital, dia quatro do mês de setembro.

Hoje também foi o dia da Caixa pagar as primeiras parcelas dos R$ 300 (a sexta parcela Auxílio emergencial) a 1,6 milhão de pessoas que participam do Bolsa família, que o número de NIS possui o final 9.

Na segunda feira a noite, o governo do estado tratou de divulgar todas as datas para o pagamento da sexta parcela do auxílio, de R$300,00 para as pessoas que não são cadastradas no bolsa família.

Quais as datas de Saque

Todas as pessoas que se inscreveram no site ou aplicativo, e os trabalhadores no CadÚnico, vão poder transferir ou sacar:

  • Todas as pessoas que foram aprovadas em Primeiro Lote podem retirar a Quinta parcela;
  • Aprovadas em Primeiro Lote que estiveram com seu benefício suspendido, podem retirar a Quinta parcela;
  • Pessoas aprovadas em Terceiro Lote podem retirar a Terceira parcela;
  • Pessoas aprovadas em Quarto Lote vão poder retirar a Terceira parcela;
  • Pessoas que foram aprovadas em Quinto Lote vão poder retirar a Segunda parcela;
  • Pessoas que foram aprovadas em Sexto Lote vão poder retirar a Segunda parcela;
  • Pessoas que foram aprovadas em Sétimo Lote vão poder retirar a Primeira parcela;
  • Reavaliação (pessoas que tiveram seu benefício suspendido no mês de agosto) vão poder sacar o valor de todas as suas parcelas que foram recebidas na Poupança Digital.

Como saber mais

Se você é um dos beneficiários que conta com a ajuda para viver, e não está referente nessa lista, você pode consultar a situação do seu benefício no aplicativo Auxilio Emergencial, ou você também pode acessar o site www.auxilio.caixa.gov.br/#/inicio.

Quem pode requerer ao beneficio

Segundo a lei todo e qualquer cidadão que não está trabalhando ou já se encontrava desempregado antes da pandemia pode requerer ao benefício, mas é necessário que o mesmo tenha mais de dezoito anos.

Quando vai acabar o auxílio emergencial

Ainda não é possível saber ao certo quando as parcelas vão deixar de existir, já que a pandemia no Brasil ainda está agravada e por consequência deixando milhares de pessoas desempregadas.

O que podemos notar até o momento é que as parcelas vem cada vez mais sendo reduzidas, então provavelmente as parcelas da ajuda não vão mais se estender por muitos meses, e ao mesmo tempo que o valor pago ajuda, existem muitos cidadãos beneficiados recebendo e relatando que o valor não ajuda em quase nada, sendo apenas para comprar pouquíssimos itens.

Outro adendo é que realmente o custo de alimentos em industrias e mercados está realmente muito alto por conta da inflação que a pandemia causou no país.

Folha Sudoeste


Leia Este

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

O sonho de todo o jovem brasileiro ao completar sua maioridade, é tirar sua licença …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *