fbpx
Imposto de Renda 2022: Posso me prejudicar se eu não declarar?

Imposto de Renda 2022: Entenda como é a paga a restituição

Para quem está se preparando para entregar a sua primeira declaração do Imposto de Renda, saiba que quanto mais cedo você realizar a entrega da sua declaração, maiores serão as suas chances de receber a restituição o mais rápido possível.

Em 2022, a declaração do Imposto de Renda começará nos primeiros dias de março e deverá se estender até o final de abril. Em relação a restituição do Imposto de Renda, ela não segue uma lista de acordo com os maiores valores pagos, mas sim indo de acordo com a ordem de partida de quem entregou antes a declaração.

Pessoas com deficiência e idosos terão preferência no Imposto de Renda 2022

Assim como já havíamos notado nas últimas declarações anuais de Imposto de Renda, em 2022 os idosos e pessoas com deficiência vão ter preferência tanto para realizar o pagamento dos tributos como também na hora de receber a restituição.

Caso o contribuinte erre alguma informação e precise realizar o reparo, o próximo passo é realizar uma declaração retificadora, que será a partir daí que passará a valer a sua declaração. Ele vai perder o lugar e então passa para o final da fila para receber a restituição, ressaltando mais uma vez a importância de revisar antes de confirmar e entregar a sua declaração.

Pagamento da Restituição deverá começar em maio

Da mesma forma que aconteceu nos últimos anos, a Receita Federal deverá realizar uma redução no número de lotes de restituição deste ano, passando de sete para cinco. Assim quem terá direito a receber a restituição em 2022, muito provavelmente vai receber antes do que acontecia até o ano passado.

O primeiro lote está programado para ser pago no final de maio, sendo que o calendário irá seguir até o mês de setembro. Até pouco tempo, nas edições anteriores da Restituição do Imposto de Renda, os pagamentos eram feitos até o mês de dezembro.

Fique atento para as datas onde já estará liberado a consulta dos lotes, pois geralmente uma semana antes do final de maio a Receita Federal vai abrir a consulta e para saber se o seu pagamento é um dos que irá ser liberado, o contribuinte precisará acessar o site da RFB, digitando o seu número do CPF, data de nascimento e completar a verificação de segurança.

Veja se está tudo correto antes de entregar a declaração

Se engana quem pensa que o compromisso com a Receita Federal termina no momento em que você realiza a entrega de sua declaração do Imposto de Renda. Fique atento durante todo o processo de preenchimento da declaração, pois durante esse período a RFB pode acabar descobrindo erros ou inconsistências nas informações que foram enviadas.

Na maioria das ocasiões, os erros que são descobertos na sua declaração de Imposto de Renda são fáceis de serem corrigidos, ainda mais com as orientações para realizar as alterações por parte da Receita. Basta que o contribuinte prepara uma declaração retificadora que irá acompanhar o preenchimento que você realizou em sua declaração original, refazendo qualquer erro e então garantindo que irá receber a sua restituição.

Folha Sudoeste


Leia Este

PicPay Vagas Abertas Na Fintech

Como entrar em contato com o SAC do PicPay?

Está procurando contato através do PicPay? Sendo assim, preparamos uma lista da qual temos um …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *