fbpx

Programa De Erradicação Do Trabalho Infantil PETI

Programa de erradicação do Trabalho infantil (PETI)

Na intensa luta para acabar com o trabalho infantil, muita ação Inter sensorial juntou forças para conseguir garantir os direitos dos adolescentes e crianças.

A mais importante delas é o PETI (Programa de erradicação do trabalho Infantil), que é parte da política nacional dos assistentes sociais, e foi redefinida para que atendesse ainda mais as necessidades dos adolescentes e crianças.

O PETI costuma atuar em várias ações para fortalecer o cenário das famílias, juventude e infância, que sofrem com a falta de orientação ocasionando o trabalho infantil.

O que é o Programa de erradicação do Trabalho infantil (PETI)

Ao acordo do instituto LOAS (lei orgânica de assistência social), o PETI consiste em ser um programa de Caráter Inter setorial que comete as seguintes ações:

  • Trabalhos sociais com as famílias;
  • Transferência da renda;
  • O programa oferta vários serviços socioeducacionais para os adolescentes e crianças, que estão exercendo alguma função trabalhista.

Como o PETI realiza a busca e identifica os adolescentes e crianças que exercem funções trabalhistas

Primeiramente, o programa vai atrás dos locais em que os adolescentes e crianças vivenciaram o trabalho, já que se não existir a informação dos locais em que a pratica está acontecendo, é difícil lidar com ela.

A identidade desse tipo de situação vai ser por conta de uma busca ativa, que vai precisar muito da ajuda de programas como o CRAS (centro de referência de assistência social, e o CREAS (centro de referência especialista em assistência social).

A busca ainda conta com diversos outros serviços públicos, como o conselho tutelar, e o pessoal da saúde da cidade em que o fato veio a ocorrer, e a busca costuma levar muito em conta as características principais de um território, sem contar que o trabalho infantil pode ser pela cultura do lugar, e ai vai existir toda uma programação para que haja uma superação da situação.

Uma vez que o trabalho infantil é identificado, o gestor do local precisa encaminhar as informações necessárias para cadastrar o adolescente e toda a sua família, e deve marcar os locais em que o trabalho infantil acontece.

Qual o papel que a gestão do PETI exerce?

Atualmente, a política da assistência social é a rede Inter setorial de erradicação e prevenção ao trabalho de adolescentes e crianças, mas a execução direta desse serviço socioeducacional, é uma responsabilidade do SCFV, que atende tanto o adolescente e criança que se encontra exercendo função trabalhista, como as crianças que o programa já resgatou.

O programa tem esses cuidados, para garantir a integridade comunitária de famílias, e para isso o programa também permite o convívio de vários adolescentes e crianças da mesma faixa etária e que também vivenciaram o trabalho infantil, ou viveram muitas outras situações vulneráveis socialmente.

Como Funciona o Programa

Qualquer adolescente ou crianças menores de dezoito anos, que exercem funções trabalhistas sem ajuda de programas sociais e contra a própria  vontade, pode obter a ajuda do programa, e se você viu ou vivenciou esse tipo de crime contra a criança, saiba que você pode se dirigir a assistência social ou  conselho tutelar mais perto da sua casa. Entre na página da Caixa para entender melhor: www.caixa.gov.br/programas-sociais/peti/Paginas/.

É muito importante estas iniciativas sociais para dar ao cidadão melhor qualidade de vida e tirar as pessoas da extrema pobreza.

 

Folha Sudoeste


Leia Este

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

O sonho de todo o jovem brasileiro ao completar sua maioridade, é tirar sua licença …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *