fbpx
Governo De Roraima Cartões Cesta Família

Roraima: Governo Entrega Cartões Do Programa Social Cesta da Família

Governo De Roraima Cartões Cesta FamíliaO governo do estado de Roraima entregou na última sexta-feira (2) mais mil cartões a famílias atendidas pelo programa social Cesta da Família. O programa destina um benefício de R$ 200, que é pago mensalmente a pessoas de baixa renda e que pode ser usado em mais de 800 estabelecimentos credenciados em todo o estado.

Até então, o governo de Roraima já havia entregado mais de 14 mil cartões referentes ao Cesta Família somente em Boa Vista, capital do estado. O programa é coordenado e gerido pela Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social (Setrabes). Trata-se de um programa emergencial criado pelo governo estadual em função da pandemia de covid-19.

De acordo com o governo do estado, existe uma meta de se beneficiar mais de 50 mil famílias do estado, entre pessoas que moram na capital, no interior, nas comunidades indígenas e comunidades ribeirinhas.

O programa

O Cesta da Família é resultado de programas de renda cidadã e de segurança alimentar criados pelo governo de Roraima a partir de julho de 2020, em função da pandemia de covid-19. Com o aprofundamento da crise sanitária, humanitária e econômica em todo o Brasil, o programa vem sendo ampliado desde então.

Os beneficiários são selecionados por meio de um levantamento feito em redes municipais de assistência social e de organizações que atendam pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Para receber o auxílio, o candidato deve:

  • Ser maior de 18 anos de idade, salvo no caso de mães adolescentes;
  • Não ter emprego formal;
  • Possuir renda familiar per capita de até meio salário mínimo;
  • Ter sido pré-selecionado por uma das diversas instituições e órgãos de assistência social.

O pagamento é feito por meio de um cartão, e poderá ser utilizado exclusivamente com alimentos, produtos de higiene e limpeza. Como dito acima, as compras devem ser feitas em estabelecimentos cadastrados, distribuídos em todo o estado de Roraima. Ao todo, são cerca de 800 deles.

Seleção dos beneficiados

Os beneficiáriossão selecionados por meio de um levantamento feito com base no CadÚnico do governo federal em parceria com os municípios através dos CRAS  (Centros de Referência de Assistência Social). Com efeito, a seleção também é auxiliada por organizações que atendem pessoas em situação de vulnerabilidade social, além de secretarias municipais que lidam com essas pessoas.

Depois disso, é foi feito todo um levantamento no qual acontecem visitas, que são realizadas pelas equipes da Setrabes, compostas por assistentes sociais e técnicos para validar os cadastros e incluir no banco de dados do programa emergencial.

Folha Sudoeste


Leia Este

Via Rápida Cursos Abertos

Cursos e Empregos Do Via Rápida Com Bolsa Auxílio

O programa Via Rápida 2021 foi criado pelo governo de São Paulo dentro de um …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *