fbpx
Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

Aumento do combustível frustra os planos de quem deseja comprar carro

O sonho de todo o jovem brasileiro ao completar sua maioridade, é tirar sua licença para poder dirigir, a famosa CNH (Carteira Nacional de Trânsito). Contudo, se você é um jovem e que completará 18 (dezoito) anos em 2021, prepare seu bolso, pois terá uma ingrata surpresa, na hora de abastecer seu veículo, pois o ano de 2021 é considerado um dos anos onde a alta do combustível, foi considerada uma das maiores dos últimos anos.

Acaba de ser anunciado que a gasolina sofreu um reajuste de um montante de 3,3% com o litro, fazendo assim, tal montante podendo chegar a R$ 7,49, segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Combustível), e esse tal anúncio foi feito pela Petrobras no último dia 09 de Outubro. Assim sendo, se foi repassado para os postos de combustíveis a notificação desse aumento, fazendo com que façam o reajuste, de acordo com o seu estado.

Combustível passa de R$ 7 em diversos estados

Em vários estados brasileiros, pode-se encontrar postos de combustíveis com o litro da gasolina passando dos R$ 7,00. Em especial se destaca 7 estados brasileiros onde o valor, passará dos R$ 7,00, foram os estados: Acre (R$ 7,30), Mato Grosso (R$ 7,04), Minas Gerais (R$ 7,17), Rio Grande do Sul (R$ 7,49), Rio de Janeiro (R$ 7,39) e Piauí (R$ 7,15).

Outro item de extrema importância que sofreu um aumento considerável, foi o botijão de gás. O aumento de 1,8% , fez com que o gás custasse em média R$ 100,44 e com um máximo de R$ 135,00, fazendo com que a ANP, tivesse um registro de 0,9% nos valores do litro do etanol.

Tal alta do combustível, se deve por causa das cotações do preço do petróleo, mesmo assim, dentro de cada estado do Brasil, sem tem essa variável de preço, de acordo com a tributação estadual e também dos custos de logística para o transporte do combustível para os postos. A Petrobras mostra um indicativo de janeiro até o atual mês de outubro, tem o demonstrativo que o diesel acumula um aumento de 51% nas refinarias. E a gasolina com impressionantes 61%, desde o mês de janeiro.

Todavia dados da Abicom (Associação Brasileira de Importadores de Combustíveis), mostram que o diesel continua com o seu valor abaixo em 15%, do que é comercializado no exterior. Ou seja, é visto que ainda sofrerá o combustível, mais alguns reajustes durante o ano, mesmo estando há dois meses do final do ano.

Inflação é pressionada sim pelo aumento do preço do combustível

O preço do combustível é um dos principais fatores para a pressão que está sofrendo a inflação brasileira. Indicativos do mês de setembro, mostram que a inflação teve um aumento de 1,16%, sendo a maior alta desde que fora implantado o Plano Real, tal que fora a quebra da barreira simbólica dos dígitos que fora acumulado nos últimos 12 (doze) meses.

A Câmara dos Deputados, para tentar reverter os impactos que foram sofridos com o aumento da inflação, foi aprovar um projeto de lei para que se altere as regras de cobrança do ICMS. Tal projeto que fora criticado por governadores e especialistas, tem como promessa reduzir em 7% o preço do combustível.

Folha Sudoeste


Leia Este

Vagas Abertas Na Coca Cola

Vagas De Emprego Na Coca Cola Femsa e Outras Fábricas

Oportunidade única! A empresa Coca Cola Femsa Brasil que é a engarrafadora da tão conhecida …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *