fbpx
INSS: Demora para a concessão de benefício pode gerar indenização de até R$ 15 mil

Congresso aprova nova margem de consignado para empréstimo do INSS

Os aposentados e pensionistas receberam a notícia de que a partir de agora vão poder utilizar até 35% do empréstimo pessoal e até 5% do valor de empréstimo para o INSS. A medida foi aprovada no último mês, através de uma Medida Provisória que vai ampliar a margem de crédito para quem precisa realizar a contratação de Empréstimo Consignado.

A partir de agora, os aposentados e pensionistas do INSS vão ter direito a comprometer até 40% do benefício que recebem do Instituto, com uma prorrogação que poderá chegar a até 60 dias.

Os bancos já estão se atualizando e passando a operar com o limite de até 40%, conforme já foi informado pela Federação Brasileira de Bancos. Com a aprovação da MP, os beneficiários que recebem o Benefício de Prestação Continuada e o Auxílio Brasil, também vão poder solicitar o empréstimo consignado, sendo que ainda será lançada um modelo de regulamentação focado para este público.

Quem já pode aproveitar do novo limite de margem de crédito consignado do INSS?

Até o momento, apenas os aposentados e os pensionistas do INSS, já estão podendo realizar a margem de empréstimo consignado no valor de até 40%. A partir do dia 17 de março deste ano, uma MP foi aprovada e publicada com normas legais e instruções normativas do INSS, onde os bancos passam a poder operar com novos limites operacionais.

O empréstimo consignado pode ser contratado por pensionistas, aposentados e servidores públicos. Atualmente é possível comprometer até 35% da renda para empréstimo consignado e mais 5% que pode ser usado no cartão de crédito do consignado.

Os juros autorizados ficam em aproximadamente 2,14% ao mês, sendo que para o empréstimo chega a 3,06% ao mês, valendo para o cartão consignado. É preciso ficar atento, pois esse empréstimo consignado acaba sendo descontado já na folha de pagamento do seu beneficio. cobrado em parcelas mensais fixas.

Taxa de juros que estará sendo cobrada

Entre as opções que existem para a contratação de empréstimo em outros bancos, o crédito consignado é muito provavelmente o que apresenta a menor taxa de juros por conta de ter uma baixa inadimplência. Também é preciso ter sempre em mente qual é a taxa Selic do momento, que atualmente com 13,25%, acaba dificultando ainda mais quem precisa solicitar um empréstimo bancário, podendo pagar juros acima dos 2% ao mês facilmente.

Em específico para o caso do INSS, neste momento as taxas estão em 2,14% ao mês para quem solicita o empréstimo consignado, ficando ainda mais alto para quem realiza a contração de empréstimo consignado, que gira na casa de 3,06% ao mês. O cartão de crédito consignado para ser usado para o pagamento de produtos e serviços dentro do comércio ou região, além do pagamento de contas.

Pois bem, além de que aposentados e pensionistas em muitos casos precisam realizar a contratação de empréstimo consignado, eles também seguem de olho em uma possível aprovação do abono salarial extra, o décimo quarto. O projeto de lei foi pautado ainda no primeiro ano da pandemia, em 2020, porém ainda não foi sancionado.

Folha Sudoeste


Leia Este

Vale-Alimentação de R$ 900 é confirmado: Saiba se pode receber

Vale-Alimentação de R$ 900 é confirmado: Saiba se pode receber

Os servidores que trabalham sob o regime CLT recebem benefícios que são fundamentais para a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *