fbpx
Como fazer o bloqueio ou desbloqueio de empréstimo consignado do INSS?

Como fazer o bloqueio ou desbloqueio de empréstimo consignado do INSS?

Já ouviu falar sobre a possibilidade de se fazer um bloqueio ou desbloqueio do empréstimo consignado do INSS? Sim, o Instituto Nacional do Seguro Social disponibiliza um serviço que permite com que os aposentados e pensionistas do órgão previdenciário possam fazer o bloqueio ou o desbloqueio de benefícios para solicitar a contratação de empréstimos consignados.

Ainda em relação ao Instituto, o processo de solicitação pode ser feita pela Internet, descartando a necessidade de fazer o deslocamento até uma agência do INSS. Somente o titular da pensão ou aposentadoria ou mesmo um representante legal da pessoa que recebe o benefício, é que tem a autorização de fazer o pedido de bloqueio ou desbloqueio de um empréstimo consignado.

Como fazer a solicitação juntamente ao INSS?

O procedimento é bastante simples. Primeiramente, você deve entrar no sistema do Meu INSS, que pode ser feito tanto pelo site como também pelo aplicativo, disponível para Android e iOS.

Depois disso, clique para solicitar um “Novo pedido”. Digite pelo nome do serviço ou do benefício que você está procurando, marcando na lista pelo serviço ou benefício que deseja. Confira com atenção o texto que vai aparecer em sua tela e avance.

Em todos os casos, você precisa informar o seu número do CPF. Após o processo ser inaugurado, você pode conferir todo o procedimento no Meu INSS, clicando em “consultar os pedidos”.

BC recomenda fazer a consulta antes de realizar o empréstimo consignado

O Banco Central não recomenda que se faça nenhum pagamento adiantado para a obtenção de empréstimo. É ideal que se realize a pesquisa e compare todas as taxas de juros, além das condições que são oferecidas por outros bancos e para ver o que realmente vale a pena. Por conta da alta concorrência, sempre vemos alguma instituição financeira que pode oferecer empréstimo consignado com taxas mais acessíveis.

É de extrema importância conferir se o banco segue a regulamentação do Banco Central e se tem convênio com a sua fonte pagadora, como nos casos de empréstimos consignados que são oferecidos para aposentados e pensionistas do INSS. Jamais assine um contrato onde a proposta esteja em branco e fique atento a todas as normas de seu contrato.

Caso deseje realizar a transferência do contrato para um outro banco, antes de tudo é preciso ler com atenção as leis do contrato para não ser penalizado. 

Também se lembre de nunca fornecer o número de seu CPF e nem o número do cartão do INSS. Se por algum motivo o dinheiro que está esperando não cair em contato, você deverá entrar em contato com a Instituição Financeira para que o dinheiro seja devolvido. 

Para quem não está interessado em solicitar o empréstimo consignado do INSS, é preciso ter cuidado mesmo assim. Isso ocorre pelo fato de que vem aumentando o número de casos em que vítimas estão sendo manipuladas, principalmente os aposentados e pensionistas que têm menos informações. O que ocorre, é que os bandidos se fingem de falsos funcionários do banco para pegar as vítimas.

Folha Sudoeste


Leia Este

Vale-Alimentação de R$ 900 é confirmado: Saiba se pode receber

Vale-Alimentação de R$ 900 é confirmado: Saiba se pode receber

Os servidores que trabalham sob o regime CLT recebem benefícios que são fundamentais para a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *