fbpx
Ciro Gomes/ Crédito: Brasil de Fato
Ciro Gomes/ Crédito: Brasil de Fato

Quais São As Propostas De Ciro Gomes Nas Eleições De 2022?

O ex-ministro e ex-governador do Ceará Ciro Gomes lançou oficialmente sua pré-candidatura à presidência da República. Candidato pelo PDT, desde o fim da eleição de 2018, Ciro já se apresenta como alternativa na disputa de poder. Seu principal ponto é ter uma proposta de governo que seja diferente daquelas dos principais candidatos no pleito.

O plano de governo de Ciro Gomes é bastante centrado em propostas econômicas. Sob o lema “a rebeldia da esperança”, idealizado pelo marqueteiro João Santana, Ciro promete substantivas mudanças em relação ao quadro atual. Uma das suas principais ideias é a abolição do teto de gastos para destravar investimentos públicos. Além disso, defende uma revisão da reforma trabalhista, em vigor desde 2017.

Eleições 2022: Petrobras está sendo 'esquartejada' para ser 'vendida', diz Ciro
Créditos: CNN Brasil

A grande bandeira de Ciro Gomes é o que chama de “novo desenvolvimentismo”. A ideia chave é a de reindustrializar o Brasil, retomando o desenvolvimento.

O programa de Ciro Gomes é provavelmente o que está mais bem desenvolvido de todas as pré-candidaturas. Uma das razões disso é que ele não difere muito daquele entregue pelo candidato à Justiça Eleitoral em 2018. A do último programa de Ciro pode ser lida na íntegra aqui.

Aqui, vamos falar em linhas gerais sobre as propostas atuais do candidato.

Resumo: quais são os principais pontos da campanha de Ciro Gomes?

Segue abaixo, em tópicos, os principais pontos da proposta de governo do candidato Ciro Gomes:

  • Fim do teto de gastos;
  • Ampliação da capacidade de consumo das famílias e do investimento público;
  • Fortalecimento da indústria;
  • Redução das desonerações tributárias;
  • Isenção de tributos sobre investimentos, produção, exportações e emprego e tributação do consumo, renda e patrimônio;
  • Redução de 20% das isenções fiscais;
  • Regulamentação do imposto sobre grandes fortunas, acima de R$ 20 milhões, com alíquota progressiva entre 0,5% e 1%;
  • Tributação sobre lucros e dividendos de grandes empresas;
  • Aumento da alíquota, de maneira progressiva, sobre heranças e doações;
  • Redução de impostos para pessoa física e jurídica;
  • Construção de 4 complexos industriais: petróleo, gás e bioenergia (refino); saúde (insumos); agronegócio (processamento); defesa (equipamentos);
  • Retomada da construção de obras, que já foram licitadas, e estão paradas ou não foram iniciadas. Com isso, a meta é gerar 5 milhões de empregos em 2 anos;
  • Elevação do salário-mínimo acima do PIB;
  • Alteração da política de preços dos combustíveis e compra de ações dos acionistas da Petrobras que se opuserem à desvinculação do valor em dólar;
  • Redução do preço do gás à metade para famílias com renda mensal de até 3 salários-mínimos;
  • Criação de programa de desconto para a quitação de dívidas voltado para inscritos no SPC ou Serasa. Negociação em “leilão reverso”: quem tiver maiores descontos, será chamado primeiro para pagar;
  • Implementação do programa de renda mínima universal, que deve englobar o Auxílio Brasil, seguro-desemprego e aposentadoria rural;
  • Criação de estoques reguladores de alimentos da cesta básica para controlar inflação;
  • Revogação da autonomia do Banco Central;
  • Revogação (ou, no mínimo, profunda revisão) da reforma trabalhista

 

Folha Sudoeste


Leia Este

Eleições Crédito: Portal Senado Federal

Voto Em Trânsito: Eleitorado Tem Até 18/08

Eleitoras e eleitores terão entre 18 de julho e 18 de agosto de 2022 para …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *