fbpx
Imposto de Renda 2022: Posso me prejudicar se eu não declarar?

INSS realiza liberação de extrato da declaração do Imposto de Renda

A partir de março e até o próximo dia 30 de abril, pelo menos 35 milhões de pessoas que residem atualmente no Brasil, de acordo com as expectativas da Receita Federal, vão precisar realizar a declaração de ajuste anual do Imposto de Renda. A dica é para que os contribuintes comecem desde já a reunir todos os documentos para não deixar faltar nada durante o seu informativo do IRPF 2022.

Os beneficiários do INSS já podem acessar o seu extrato que irá lhes ajudar durante a declaração do Imposto de Renda, estando disponível no sistema da Previdência Oficial, com todos os informes de rendimentos dos aposentados e pensionistas do último ano. Quem entregar primeiro a declaração, poderá garantir a chance de receber já nos primeiros lotes a sua restituição.

Veja como fazer a sua declaração do Imposto de Renda

Para os aposentados e pensionistas do INSS, o primeiro passo é entrar no aplicativo ou site do INSS para baixar o extrato completo com os rendimentos do último ano. Para quem acessar através do Smartphone, é possível realizar o download gratuito, seja para o sistema iOS como também para Android.

Depois, logue com os seus dados da conta gov.br, considerando que se por ventura ainda não tiver um cadastro, o tempo gasto para criar uma conta é questão de poucos minutos. Já logado, dentro da aba “O que você precisa”, selecione a opção “Extrato do Imposto de Renda”.

Como encontrar os documentos para a declaração

O documento também poderá ser solicitado ao banco onde o beneficiário recebe mensalmente o seu benefício do INSS. A partir do dia 22 de fevereiro, o extrato também vai estar disponível no “chat da Helô”, assistente virtual do INSS, que também vai estar disponível para consulta a partir do aplicativo Meu INSS.

O extrato que é fornecido pelo INSS é de suma importância para que os contribuintes façam corretamente o preenchimento da sua declaração do Imposto de Renda. No extrato, vai ficar detalhado os valores que os contribuintes receberam dos seus benefícios ao longo do último ano em exercício.

Nem sempre os rendimentos do INSS são isentos de Imposto de Renda e é por causa disso que é preciso os declarar na aba “Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica”. Lembrando que o Governo não cumpriu com a “promessa” de que iria aumentar a faixa de Isenção para R$ 5 mil, assim novamente os contribuintes vão encarar um IRPF com uma isenção em apenas R$ 1.903,98.

Verifique antes de entregar a sua declaração se não existem pendências

O contribuinte poderá consultar o status da sua declaração através do portal de dados da Receita Federal, a Central de atendimento e-CAC. Ele irá apontar as correções necessárias, evitando assim que o contribuinte envie a declaração e também não deixando qualquer margem para que o mesmo possa entrar posteriormente na Malha Fina.

Para logar no portal do e-CAC, o processo é simples, bastando logar com os seus dados em Gov.br. Clique em “Extrato do Processamento”, para então conferir em que status se encontra a sua declaração do Imposto de Renda. No portal é possível conferir outras informações, como os exercícios anteriores e até mesmo se está tudo em dia com as suas últimas declarações.

Folha Sudoeste


Leia Este

PicPay Vagas Abertas Na Fintech

Como entrar em contato com o SAC do PicPay?

Está procurando contato através do PicPay? Sendo assim, preparamos uma lista da qual temos um …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *