fbpx
Auxílio Emergencial

Prorrogado Cartão Mais Inclusão Programa Social De Sergipe

Auxílio EmergencialO programa  Cartão Mais Inclusão – CMAIS é um programa de transferência de renda instituído pela Lei nº 8.664 de 25 de março de 2020, proposta Secretaria de Estado da Inclusão e Assistência Social (SEIAS), e que foi aprovado em 2020. De lá pra cá, vem beneficiando várias famílias do Estado do Sergipe.

Inicialmente, o CMAIS foi criado como uma iniciativa de caráter temporário e emergencial em função da pandemia do novo Coronavírus. Assim, ele foi pensado com o objetivo de atender à população em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar e nutricional, mitigando os efeitos da pandemia da Covid-19. Contudo, o programa se tornou permanente.

Isso aconteceu quando em 17 de fevereiro, os deputados estaduais sergipanos aprovaram por unanimidade o Projeto de Lei nº 321/2020, que dispõe sobre a reestruturação do programa CMAIS. O programa, que distribui R$ 100,00 mensais para que as famílias enquadradas na extrema pobreza pudessem comprar gêneros alimentícios na rede credenciada Banese, foi tornado permanente como mecanismo de combate à pobreza e assistência social no Sergipe. Diante da indefinição do governo quanto ao auxílio emergencial, o programa tem beneficiado milhares de famílias em todo o Estado.

De início, era previsto que o CMAIS funcionasse até dezembro de 2020. Contudo, o benefício foi estendido e se tornará permanente para um número pré-determinado de famílias.

Acesso ao CMAIS

As regras de acesso ao CMAIS foram definidas desde a sua lei de criação e não foram alteradas com sua reestruturação. Assim sendo, para receber o benefício, é necessário que o beneficiário atenda a três critérios:

De maneira a operacionalizar o programa, a SEIAS dividiu a execução do CMAIS com os gestores da Assistência Social de todo o Estado na Comissão Intergestores Bipartite – CIB e, desde os meses iniciais do programa, atuou em parceria com as secretarias municipais de Assistência Social. Isso serviu, por exemplo, para a identificação do público atendido e na entrega dos cartões após a checagem de compatibilidade dos perfis com as informações constantes no CadÚnico.

Evolução

No início, o CMAIS foi criado prevendo uma duração de quatro meses, começando em abril de 2020. Porém,  29 de junho de 2020, o Decreto nº 40.622 prorrogou o CMAIS por dois meses. Depois,  em 11 de setembro, o Decreto nº 40.665 estendeu o benefício por mais dois meses. Além disso, em 02 de outubro, a Lei nº 8.761 alterou a Lei nº 8.664, renovando por até seis meses o período de concessão.

Depois disso, com a aprovação do Projeto de Lei nº 321/2020 em 17 de fevereiro de 2021, o programa passou a ter caráter permanente.

Folha Sudoeste


Leia Este

1 Milhão De Oportunidades Emprego e Cursos

1 Milhão De Oportunidades Emprego e Qualificação

A iniciativa teve sua apresentação nessa Quarta feira, dia Vinte e Oito e já se …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *